Início / Últimas Notícias / Salvador espera ocupar 70% dos hotéis na Copa das Confederações

Salvador espera ocupar 70% dos hotéis na Copa das Confederações

Os hotéis de Salvador esperam para este mês aumento de 30% na taxa de ocupação, por causa da Copa das Confederações, que começa no próximo dia 15 em Brasília e terá jogos também na capital baiana. Segundo a Associação Brasileira de Indústria de Hotéis (Abih), para o dia 22, quando o Brasil e a Itália jogarão em Salvador, os quartos já estão praticamente todos reservados. A ocupação média durante os dias dos jogos deverá ficar em torno de 70%, a estima associação. Três jogos da Copa das Confederações serão na capital baiana.


Para os hoteleiros, trata-se de números muito positivos, já que nesta época do ano – baixa estação – a ocupação média em Salvador gira em torno de 30%, com o turismo concentrando-se no interior do estado, com as festas juninas.


Para atender aos turistas, a capital baiana faz reformas e alterações no trânsito. Em algumas vias, o tráfego foi totalmente interditado e, em outras, está proibido estacionar para permitir o embarque e desembarque de passageiros dos serviços shuttle (transporte).


Segundo o secretário do Escritório Municipal da Copa em Salvador (Ecopa), Isaac Edington, existem algumas pendências, apesar do esforço concentrado dos últimos dias. Além da obra da Linha 1 do metrô estar atrasada, com inauguração prevista apenas para a Copa do Mundo de 2014, ainda faltam alguns últimos retoques na Arena Fonte Nova, cuja gestão está sob controle da Fifa. “São obras de infraestrutura ligadas à parte de comunicação, grupo de geradores, TV compound, ativação de marca”, informou.


Também está atrasada a instalação das placas de sinalização de pontos turísticos e estratégicos, como aeroporto e estádio, conforme a padronização da Fifa. Edigton acredita, porém, que até a semana que vem as principais placas de sinalização estejam instaladas, com informações em três idiomas (inglês, espanhol e português). “Apenas em 2014, teremos uma comunicação visual mais apurada”, disse ele. “O projeto Cidade da Bicicleta, que prevê a construção de cerca de 90 quilômetros de ciclovias, na primeira etapa, é outra ação que deve ser executada para a Copa do Mundo.”


Edington adiantou que, ainda neste ano, será implantado em Salvador um sistema de aluguel de bicicletas públicas em parceria com a iniciativa privada. “Hoje, inclusive, saiu, a convocatória solicitando que as empresas apresentem projetos para sistema de compartilhamento de bicicletas públicas em Salvador.”


Mapas em inglês e em espanhol indicando a localização de hotéis, restaurantes e parques, entre outros pontos da cidade, serão distribuídos gratuitamente no aeroporto, na rodoviária, em hotéis e nos principais pontos turísticos da cidade, informou a superintendente de Serviços Turísticos da Secretaria de Turismo da Bahia, Cássia Magalhães. Nesses locais, haverá também centros de informação ao turista. “Além disso, vamos colocar à disposição dos turistas 120 profissionais que falam mais de um idioma estrangeiro, espalhados pelos pontos turísticos da cidade e no entorno da Arena Fonte Nova.”


A secretaria informou ainda que, em parceria com os ministérios do Turismo e da Educação, o Pronatec qualificou 400 profissionais que poderão fornecer aos visitantes informações em inglês e espanhol. Além disso, o Projeto Guias e Monitores da Copa deverá disponibilizar 120 profissionais entre guias, monitores e atendentes de call center para receber os turistas. O atendimento será feito em até dez línguas estrangeiras, incluindo mandarim, russo, croata, italiano e alemão.


A prefeitura de Salvador e o governo baiano também prepararam uma programação cultural especial para o período dos jogos, aproveitando as festas de São João. Estão programados shows de música, apresentações de teatro e dança e exposições de artes plásticas, entre outras atividades.


Agência Brasil 

Leia também.

Ministro ameaça fechar hotéis que cobrarem preços abusivos durante Copa das Confederações

O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, anunciou hoje (13) “tolerância zero” para abusos de preços …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *